O vereador Marcial Lima (PRTB) usou a Tribuna da Câmara Municipal para tratar das condições dos terminais de integração de São Luís.

Para ele, os terminais apresentam problemas estruturais e podem causar danos irreversíveis à população.

São Luís possui cinco terminais: Distrito Industrial, São Cristovão, Cohab, Cohama e Praia Grande. Em 2015, eles passaram a ser administrados pelos consórcios vencedores da licitação dos transportes.

De acordo com Marcial, os reparos estruturais são de obrigação dos empresários, mas não são realizados e a carga fica para Secretaria Municipal de Trânsito e Transporte (SMTT).

“A buraqueira toma de conta de todos os terminais, praticamente. Além disso, as estruturas ameaçam a população, porque não há reparos. A Prefeitura e a SMTT devem voltar a administrar os terminais”, frisou.

Segundo o secretário da SMTT, Canindé Barros, os consórcios têm a obrigação de realizar manutenção nos terminais, mas isso não está acontecendo. “A licitação prevê um valor que deve ser investidos nos terminais, mas a verba não é aplicada”, disse.

Atendendo a solicitação do vereador Marcial Lima, o secretário se prepara junto da Procuradoria do Município e da Assessoria Jurídica para reivindicar na Justiça a administração dos terminais de integração da capital.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui