“Quase toda a imprensa me atacou dizendo que desprezo a vida”, escreveu Bolsonaro após recuo da declaração de que “não dá bola” em relação à pressa na vacinação contra o coronavírus

De férias no Guarujá, litoral de São Paulo, Jair Bolsonaro (sem partido) acordou cedo e foi às redes sociais dizer que foi “atacado” pela imprensa ao declarar “não dou bola para isso”, sobre o Brasil estar atrasado em relação a outros países no início da vacinação contra o coronavírus.

“Quase toda a imprensa me atacou dizendo que desprezo a vida pelo ‘EU NÃO DOU BOLA PARA ISSO’. Assista ao vídeo, e veja a verdade”, escreveu Bolsonaro, transcrevendo sua fala e publicando o vídeo juntamente com o print da manchete da Folha de S.Paulo sobre o fato.

Nos comentários, Bolsonaro voltou à tona e atacou o jornalista Leonardo Sakamoto, do portal Uol, que em artigo sobre o caso diz que o “desprezo de Bolsonaro pela vida é coerente”.

“A canalhice não tem limites”, escreveu o presidente junto ao print do artigo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui