Por Crystopher Plekanovsky

A primeira regra é manter o espírito tranquilo. A segunda é enfrentar as coisas de frente e tomá-las pelo que realmente são.

A VIRTUDE DA PERSEVERANÇA – APRENDENDO COM ULISSES E NIETZSCHE

Perseverança é uma qualidade que tem sido admirada ao longo dos séculos, e suas raízes podem ser rastreadas até os tempos da mitologia. Na jornada de Ulisses, o herói da Odisseia, encontramos um exemplo inspirador da virtude da perseverança.

Ulisses, rei de Ítaca, desejou permanecer em sua terra natal ao invés de partir para a guerra em Troia. No entanto, devido a uma guerra desencadeada pelo rapto de Helena, Ulisses teve que se juntar à causa dos gregos. Sua jornada durou dez anos, e durante esse tempo, enfrentou desafios inimagináveis, como o Ciclope Polifemo e a tentação de Calípso, uma deusa que ofereceu a ele a imortalidade.

No entanto, Ulisses escolheu o caminho da perseverança. Ele recusou a tentação de uma vida eterna em favor de retornar para casa, para sua amada Penélope. Sua jornada de retorno foi longa e repleta de obstáculos, mas ele perseverou, recusando-se a desistir de seu objetivo.

A filosofia de Nietzsche ecoa o valor da perseverança. Em sua obra “Assim Falava Zaratustra,” Nietzsche afirma: “Demore o tempo para perceber o que você quer da vida, pois percebendo do que quer da vida não recue nenhum pretexto porque não faltam no mundo quem queira te dissuadir.”

A mensagem central é clara: a perseverança é essencial para alcançar nossos objetivos na vida. É a determinação de enfrentar obstáculos, superar desafios e continuar avançando, não importa quão árdua seja a jornada. Descobrir e nutrir essa virtude pode ser a chave para uma vida significativa e bem-sucedida.

Assim, a lição de Ulisses e a filosofia de Nietzsche nos lembram da importância da perseverança em nossa busca pela “vida boa”. Enquanto a tentação e os obstáculos podem surgir em nosso caminho, é a perseverança que nos levará adiante, em direção aos nossos objetivos e aspirações.

Perseverar em face da adversidade é uma virtude que ilumina o caminho da realização pessoal e da verdadeira felicidade.

Crystopher Plekanovsky

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui