A deputada Daniella anunciou recentemente medidas legais contra o vereador Daniel Barros, da cidade de Caxias. O motivo foi um discurso proferido por Barros no qual ele atacou Daniella com comentários pessoais, machistas e violentos.

No dia 18 de outubro, durante um pronunciamento, o vereador Daniel Barros fez referências pessoais ofensivas à deputada. Suas palavras incluíram equívocos sobre o nome da esposa do prefeito e comentários machistas sobre a atuação política de Daniella.

Em resposta, Daniella anunciou por meio de nota que ingressará com uma queixa-crime contra o vereador, além de representação junto ao Ministério Público Eleitoral e ação no âmbito civil. Essa ação é uma demonstração firme de sua posição como Procuradora da Mulher na Assembleia Legislativa.

A Assembleia Legislativa do Estado do Maranhão emitiu uma nota de repúdio às declarações do vereador Daniel Barros. Expressaram total solidariedade à deputada Daniella, condenando os termos usados e as referências injuriosas à sua vida pessoal.

A Presidente da ALEMA, Iracema Vale, destacou a competência e os relevantes serviços prestados por Daniella à comunidade de Caxias. Lamentou que uma parlamentar atuante como ela seja alvo de informações falsas, reforçando que as mulheres merecem respeito na política.

Em meio às medidas legais tomadas por Daniella e à firme posição da Assembleia Legislativa, fica evidente a necessidade de combater qualquer atitude de violência de gênero na política. Este episódio destaca a importância de preservar o respeito e a integridade das parlamentares, reforçando que tais comportamentos não serão tolerados na Casa do Povo.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui