SÓCIO DE AGÊNCIA INVESTIGADA POR FAKE NEWS PELO WHATSAPP INTEGRA TIME DE BOLSONARO

0
12

Empresário Marcos Aurélio Carvalho , sócio da AM4 Brasil Inteligência Digital, maior fornecedora da campanha do PSL foi nomeado nesta segunda-feira (5) para integrar a equipe de transição do presidente eleito; a empresa está envolvida na  disseminação em massa de mensagens falsas pelo Whatsapp, investigado pela Polícia Federal e pelo TSE; ele irá cuidar da área de comunicação da equipe de transição e seu salário como membro da equipe será de R$ 9,9 mil

247 – Sócio de uma das empresas envolvidas nos disparos em massa de mensagens falsas pelo Whatsapp que beneficiaram a campanha de Jair Bolsonaro, o empresário Marcos Aurélio Carvalho foi nomeado nesta segunda-feira (5) para integrar a equipe de transição do presidente eleito.PUBLICIDADE

Como mostra reportagem do UOL, Carvalho, que é sócio da AM4 Brasil Inteligência Digital, maior fornecedora da campanha do PSL e está envolvida no caso investigado pela Polícia Federal e pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Ele irá cuidar da área de comunicação da equipe de transição. Seu salário como membro da equipe será de R$ 9,9 mil.

Segundo dados da Justiça Eleitoral, a AM4 é a maior fornecedora da campanha de Jair Bolsonaro. Ela recebeu R$ 650 mil para conduzir a campanha do então presidenciável na internet. Esses valores podem ser ainda maiores porque o prazo final para a prestação de contas de quem disputou o segundo turno termina no dia 17 de novembro.

Segundo o cadastro de pessoas jurídicas da Receita Federal, Marcos Aurélio é um dos três sócios da AM4, que tem sede no município de Barra Mansa (RJ). Nesse cadastro, ele aparece como “sócio-administrador” da empresa ao lado do seu irmão, Magno Carvalho, e do amigo Alexandre José Martins. Na condição de sócio-administrador, Marcos Aurélio estaria, em tese, impedido de assumir o cargo para o qual foi nomeado

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here